A Bruxa por trás

Saudações; 

Sou Cain moro na Zona Oeste em São Paulo, tenho 26 anos sou canceriano com a lua em escorpião, ascendente em peixes logo assim já percebe que sou apaixonado por assuntos de espiritualidade, folclore e bruxaria seja a antiga ou moderna, amo assuntos que envolve bruxas, folclore, espiritualidades pagãs e seres mágicos e tudo aquilo que está ligado ao Outro Mundo e a sabedoria cultural do local.

 

A minha caminhada começou desde de pequeno nos assuntos misticos, esotéricos e mágicos; desde de mais novo que eu me lembro acompanhava a minha mãe no terreiro que tinha perto de casa nas sessões de umbanda e aquilo me encantava pois assuntos espirituais deixa meu sangue fervendo e coração batendo de amor pelo tema, e vendo aquelas velas e aquele cheiro de defumação deixava os meus pés com a vontade para trilhar o caminho; foi quando comecei a frequentar a Igreja Católica por ser a Fé da minha mãe e familia por parte da mãe então eu ia pra Igreja com amor para rezar aos Espíritos e a pegar água benta e fazer o sinal da cruz em frente da imagem do anjo que guardava a bacia sacra, e nesse período que me dediquei aos estudos da igreja como todo, eu apenas lia a parte vamos dizer "feiticeira" da Igreja Católica, o culto aos Santos, o uso da água benta e os cantos dos salmos isso me deixava encantado e também nesse tempo minha mãe me dedicou ao culto da Virgem Maria, um culto familiar onde aprendi a rezar para ela nos momentos de perigo, a rezar o seu terço e receitinhas mágicas utilizando o seu poder foi os meus primeiros passos dentro da feitiçaria.

 

Quando eu fiz 11 anos, isso sempre faz arrepiar o meu corpo todo e acelerar o meu coração toda vez que lembro, aconteceu um ocorrido na qual fui visitado por um Espírito e esse mesmo me fez trilhar o Caminho da Bruxaria, deixava de brincar com meus amigos para aprender a jogar  tarô, lia livros de espiritualidade e conversar com os mais velhos sobre os mesmos assuntos foi quando a minha mediunidade começou a aflorar e precisava de orientação sobre,foi quando a minha mãe me levou para uma benzedeira para expulsar esse mal e foi quando a mesma disse que eu precisava trabalhar, dias passaram e fui apresentado a uma amiga da minha mãe cartomante e bruxa me instruiu nos primeiros passos da feitiçaria.

 

Aos meus 19 anos iniciei no santo no caminho de Osalá, aprendi sobre a feitiçaria africana uma forma poderosa de bruxaria, a cultura religiosa e mágica dos negros e isso agregou muito para o meu saber e ofício, hoje com meus 7 anos apenas dou de obrigação aos meus orisas mas não levo o candomblé como um religare entre eu e meus ancestrais.

 

Iniciei num clã de bruxaria que faço parte desde 2013 onde a Matrona do Clã é Hecate a Rainha das Bruxas, hoje meu culto é voltado ao Pã o Deus chifrudo da terra e a Diana a Deusa da feitiçaria, porém a minha espiritualidade é animista, pagã, bruxa  vejo em todos os aspectos da natureza uma face dos Deuses de cima e as pegadas dos ancestrais no caminho.Não faço uso de títulos para consagrar a minha pessoa perante a sociedade hoje,  alguns me chamam de bruxa os mais íntimos mas também um homem sábio ou um pagão que reza para a lua e para o sol e conversar com meu cão preto; hoje a minha Fé ela é dupla assim como meu caminho feiticeiro e bruxo sirvo para um mestre de chifres que caminhamos para a encruzilhada para lhe pedir as bençãos junto com a sua Senhora a Rainha da vida e da Morte. 

Criei este blog para compartilhar com a comunidade  crenças folclóricas que faz parte da Feitiçaria Brasileira, o Ofício Tradicional que realizo e o Culto Pagão e Bruxo perante os Deuses e a Encruzilhada que acendemos o Fogo do Sabá da Vida.
 Que as Bençãos do Velho esteja contigo, a luz do Chifre dele iluminar o Caminho perante o Ofício Sagrado, e as Bençãos da Senhora da Vida.
 

Bençãos e Maldições a ti.
Cain

124282770_1034439083698049_4088860917490