• Cain Mireen

A Primeira Colheita do Caminho




Começamos o ano com as bençãos de Janus, o Senhor que olha pro passado e pro futuro Ele é o senhor das passagens, das transições e das portas também foi um momento de enxergar sobre o que fomos para sermos o que desejamos no futuro, e com isso começamos o ano com a Primeira Colheita, a Colheita de Grãos, de frutos e de Boas Novas.


Cada tradição de bruxaria adota uma forma de comemorar o Festival que marca a Primeira Colheita,celebrado depois do Solstício de Verão e antes do Equinócio de Outono ele marca o poder do Sol perante a Colheita onde nos ventos do Equinócio de Primavera abrimos o corpo da Terra e depositamos todas as sementes para que possam ser regadas e alimentadas com a energia que vem do alto para que possamos realizar a Grande Colheita, ele é comemorado no dia 01 de Fevereiro aqui nas Terras da Ilha de Vera Cruz.


Cornucópia

Conhecido como La Festa di Cornucopia onde era comemorado com muita fartura que vinha da colheita pois era o marco da prosperidade da aldeia, e a cornucópia é o simbolo desta grandeza que é a colheita, prosperidade e fartura simbolo da Deusa Fortuna uma Divindade filha de Jupiter, uma divindade que dava a boa sorte ou a má sorte ela portava uma cornucópia que dentro dela jorrava alimentos e grãos para alimentar aos seus seguidores;


São diversas formas de celebração deste Festival, sendo que cada Clã realiza de acordo com a sua via Tortuosa, a adoração de Deuses, de espiritos e até agradecimento pela Terra pela alimentação são realizado, podendo ser diferente de clã para clã, o ato de abençoar o

bolo e a cerveja é algo tipico de qualquer celebração.


Época para realizar encantamentos com pães, bolos e biscoito por ser um festival que comemoramos a colheita, é tradição com os primeiros grãos a fabricação de um grande pão ou bolo para repartir entre os familiares e assegurar a fartura pelo ano todo, oferecer pães e bolos aos Lares, e aos Deuses para agradecer a boa colheita e proteção, por isso foi conhecido como Festa do Pão.


Todos grãos e frutos dessa época é propicio para realização de encantos e feitiços sabendo o simbolismo do qual se deseja trabalhar em seu favor, pega espigas de milho e pendure na janela é encanto para convidar a Boa Fortuna abrigar em sua casa, também espalhar folhas de louro na entrada além de trazer as bençãos do Deus Febo equivalente do Grego Apolo atrai as bençãos solares da colheita.


A foice um instrumento magico por excelência dentro da Arte antiga, é simbolo deste festival junto com a cornucópia não possui um simbolismo de morte como é demostrado no Festival das Sombras, mas sim um objeto de colheita o instrumento usado por Saturno o Deus da Colheita, do Fim e do Ensino; assim que acordar antes dos primeiros raios solares tocarem a plantação, com a foice arranque um pouco e oferta aos Deuses como forma de gratidão.


Também é momento de fabricar uma pequena boneca conhecida como "Mãe dos Grãos" feito com milhos, palhas, e grãos e trigo e tido como amuleto de proteção onde é receptáculo para um pequeno espirito que guarda a casa sendo que passará a roda toda dentro de casa junto com a Bruxa que fabricou, sendo que no próximo festival a antiga é queimada e uma nova é feita com o mesmo propósito.



A Primeira Colheita que é feita nos primeiros meses do ano, é consequência do que você plantou após o Inverno, onde o Fogo Sabático estava dentro da Grande Mãe Bruxa sendo gerado, pensamentos e atos neste momentos volta a tona e tudo que devemos é aceitar a nossa colheita pessoal seja de frutos ou de espinhos,

A Arte Bruxa não tem um sistema a ser seguido como diversas religiões onde é gerado um culto que segue um livro ou um padrão, o culto da bruxa é algo livre de dogmas ou crenças imposto contra a sua vontade, o Festival da Primeira Colheita é algo mais que um monte de velas e incensos sobre um altar e sim um agradecimento daquilo que colhemos seja ele fisico ou espiritual, seja um fruto ou algo que lutamos com o nosso suor.


Agradecer é uma palavra que encaixa muito bem neste festival, no dia 01 de fevereiro vá até uma árvore que seja velha pela sua idade deite ali leite e vinho, oferta grãos e frutos aos Antigos Ancestrais, cante hino e votos e estabeleça uma via com o Antigo seja pelo nome de Pã, Dianus,ou Qayin.



Mantenha a Chama do Sabá aceso dentro do seu coração.

26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo